sábado, 22 de setembro de 2007

Love

Love - John Lennon

'Love is real, real is love
Love is feeling, feeling love
Love is wanting to be loved

Love is touch, touch is love
Love is reaching, reaching love
Love is asking to be loved

Love is you
You and me
Love is knowing
We can be

Love is free, free is love
Love is living, living love
Love is needing to be loved'



O amor não existe a priori. O amor não existe como essência. Não há essência no amor.

Não se encontra o amor; tampouco se perde o amor.
O amor, ele é vivido. O potencial do amor é infinito, uma vez que ele troca olhares deliciosamente singelos com o momento.

O amor é liberdade: é a prisão do instante.
O amor é alienar-se; o amor é atingir-se.




O amor é a coisa mais real que podemos experimentar.

Um comentário:

faustina disse...

"Love is touch, touch is love"

Amor é toque, toque é amor.

Toquemos a canção
Que nos faz trocar aromas
Confundir o tempo e
Beijar as nuvens.

Toquemos os olhos um do outro
No escuro mais profundo
Da nossa intimidade

Toque o sino, rainha do baile
Que é meu coração.
Então, a cada batida,
Amamos mais o que não se mede.